Plano de presidência privada voltado a crianças e adolescente


Por Redação

10/10/2018  às  09:04:11 | | views 28



Com isenção de taxa de carregamento e dez opções de fundos, a novidade já está disponível em todas as agências do Banco do Brasil


Em comemoração ao mês das crianças, a Brasilprev, empresa especialista em previdência privada, moderniza o Brasilprev Júnior – produto voltado a quem deseja investir no futuro de crianças e jovens, geralmente filhos, sobrinhos, netos e afilhados. Entre os diferenciais, ele traz uma gama variada de fundos, que podem ser acessados a partir de contribuições mensais de R$ 100,00. Além de diversas opções em renda fixa e multimercado, o cliente tem à disposição fundos com conceito data-alvo. Neles, os ativos são alocados de maneira estratégica ao longo do tempo, tendo sempre em vista a data prevista para utilização dos recursos.

A possibilidade de diversificação é acompanhada pela flexibilidade: o cliente pode definir qual percentual de sua contribuição será destinado para qual fundo e também pode alterar essa definição sempre que desejar, sem custo algum. "A ampla variedade de fundos e a flexibilidade do Brasilprev Júnior permitem que cada cliente adapte o plano de acordo com seu perfil de risco e, também, com o prazo do investimento", explica a diretora comercial e de marketing da Brasilprev, Ângela Beatriz de Assis.

 

A novidade chega isenta de cobrança de qualquer tipo de taxa de carregamento e com a possibilidade de contratação de uma importante cobertura, o pecúlio. Com ele, caso o responsável financeiro do plano venha a faltar, a criança recebe um pagamento único de valor previamente definido.

 

A Brasilprev foi a primeira empresa no mercado a lançar um produto com foco em crianças e adolescentes, em 1997. Esse pioneirismo levou à criação de um novo segmento de mercado, denominado "Menor", no qual a empresa é líder em ativos com 59% de market share. Dos cerca de 620 mil planos Brasilprev Júnior, a maior parcela, 42%, é voltada a crianças e jovens entre 6 e 15 anos. Os pais são a maioria dos responsáveis financeiros – representam 92% do total – e em média fazem contribuições mensais de 143 reais. "Um em cada três clientes da Brasilprev possuem o produto Júnior. Ele tem um papel social muito importante, pois ajuda os pequenos a terem uma reserva financeira no início da vida adulta. De acordo com nossas pesquisas, o foco do investimento são projetos educacionais, como pagamento da faculdade ou de um intercâmbio", explica Ângela. "Além disso, ao usufruir do plano feito pelos pais, o jovem compreende o valor do planejamento de longo prazo e acaba sendo mais propenso a ter maior disciplina em relação às suas finanças", complementa.

 

A revitalização do produto Júnior está em linha com o objetivo da Brasilprev de fomentar a segunda onda da previdência privada, que tem como foco a formação de patrimônio e a orientação básica de "quanto antes começar, melhor". A primeira onda, responsável pelo crescimento do mercado nas últimas décadas, foi pautada por pessoas que já possuíam patrimônio constituído e utilizaram a previdência privada para diversificar os investimentos.



Comentários desta notícia 0



Comentários - ver todos os comentários


Seja o primeiro a comentar!

© Copyright 2002-2018 SEGNEWS - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Rede SegComunicação. SEGNEWS e SEGWEB são marcas da BBVV Editora Ltda, devidamente registradas pelas normas do INPI — Instituto Nacional da Propriedade Industrial.